Um vivo demasiado vivo para esta Angola | Entrevista a Luaty Beirão (Ikonoklasta), 22/06/2014

Por aqui se percebe a razão de o regime angolano querer este homem morto. Vivo ele é… assim (vejam os vídeos). Um vivo demasiado vivo para esta Angola. Morto vira mártir, é certo. Mas nada que não se apague com uma pincelada de petróleo.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s